Seja Doador

Você está em: Início / Seja Doador

Colocamos nesta página algumas dicas e dúvidas frequentes de novos doadores.
Entre para o time que salva vidas!

Condições que impedem a doação Definitivamente

  • Doenças autoimunes como, vitiligo, hipotireoidismo de hashimoto e lúpus;
  • Malária.
  • Cardiopatia grave;
  • Uso de drogas ilícitas injetáveis;
  • Epilepsia;
  • Câncer;
  • Doenças transmissíveis pelo sangue;
  • Hepatite após os 10 anos de idade.
  • Cirurgia cardíaca, neurológica ou bariátrica (redução de estômago).
  • Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecto-contagiosas: Sífilis, Hepatite B e C, AIDS (HIV), HTLV I/II e Doença de Chagas.
  • O Serviço de Hematologia e Hemoterapia segue com rigor a legislação para doação de sangue estabelecida pelo Ministério da Saúde.

Condições que impedem a doação temporariamente

  • Ingestão de leite e derivados, frituras e alimentos gordurosos 4 horas antes da doação.
  • Ingestão de bebidas alcoólicas 12 horas antes da doação.
  • Transfusão de sangue nos últimos 12 meses.
  • Cirurgia de pequeno porte (nos últimos 3 meses) e de grande porte (nos últimos 6 meses).
  • Endoscopia e colonoscopia nos últimos 6 meses.
  • Tatuagens nos últimos 12 meses.
  • Gripe, resfriado ou alguma infecção nos últimos 7 dias.
  • Vacinação nos últimos 7 dias.
  • Relações sexuais com múltiplos parceiros ou parceiros desconhecidos ou sem o uso de preservativo nos últimos 12 meses.
  • Gravidez, amamentação ou aborto nos últimos 3 meses.
  • Uso de alguns medicamentos. (ANTIBIÓTICOS E/OU ANTI-INFLAMATÓRIOS NOS ÚLTIMOS 7 DIAS, MEDICAÇÕES CONTROLADAS, REPOSITORES DE HORMÔNIOS TIREOIDIANOS).
  • FINASTERIDA E ROACUTAN impedem a doação de sangue;
  • Medicamentos betabloqueadores como ATENOLOL E PROPANOLOL impedem a doação de sangue.

    Intervalo entre as doações

    Homens 60 dias: até 4 doações por ano

    Mulheres 90 dias: até 3 doações por ano

Cuidados após a Doação

  • Ingerir bastante líquido.
  • Aguardar pelomenos 15 minutos antes de sair do Serviço de Hemoterapia.
  • Evitar fumar pelomenos 2 horas após a doação.
  • Evitar esforço com o braço  puncionado.
  • Não realizar exercício físico antes e/ou após a doação.
  • Manter o curativo por 4 horas após a doação.

    Doação de plaquetas
  • As plaquetas são elementos do sangue que ajudam no controle de sangramentos. São utilizadas principalmente para portadores de doenças onco-hematológicas como leucemias, pacientes transplantados, pacientes em quimioterapia ou pacientes que sofrem grandes cirurgias.
  • Por meio da aférese, o sangue do doador é retirado, as plaquetas separadas e, então, os demais componentes do sangue são devolvidos ao doador. A aférese é um processo seguro, feito com material descartável que leva, em média, 90 minutos.
  • As plaquetas podem ser mantidas em estoque, no máximo, por cinco dias. Esse é um dos fatores que contribuem para a necessidade constante de doação de plaquetas.
  • Na doação de plaquetas por aférese é possível coletar de um único doador, o número de plaquetas suficiente para transfusão em um adulto. Numa doação de sangue convencional, seriam necessários seis doadores para obter o mesmo número de plaquetas.

 

O que é necessário para doar sangue?

  • Estar em boas condições de saúde.
  • Trazer um documento original com foto emitido por órgão oficial (R.G., Carteira de Trabalho e Previdência Social, Carteira Nacional de Habilitação ou Carteira dos Conselhos Regionais).
  • Ter se alimentado bem (não ingerir leite e derivados, frituras e alimentos gordurosos 4 horas antes da doação).
  • Não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes da doação
  • Ter repousado no mínimo 8 horas antes da doação.
  • Não fumar 2 horas antes da doação.

Quem pode doar sangue?

  • Homens e mulheres entre 18 e 69 anos; limite máximo de idade para a primeira doação é de 60 anos;
  • Menores entre 15 e 17 anos com autorização escrita do responsável pelo mesmo;
  • Pesar Acima de 50Kg de peso corpóreo.

Hospitais Atendidos

O IHHS possui um banco de sangues raros, encontrados em uma parcela reduzida da população. Os sangues raros serão coletados e armazenados na instituição para transfusões.